Reinado das águas
(Rosa)

O mar misterioso mar
Que vem do horizonte
É o berço das sereias
Lendário e fascinante

Olha o canto das sereias
lalaó, oquê, ialoá
Em noite de lua cheia
Ouço a sereia cantar

(E o luar)
E o luar sorrindo
Então se encanta
Com a doce melodia
Os madrigais vão despertar

Ela mora no mar
Ela brinca na areia
No balanço das ondas
A paz ela semeia

(e toda corte)
Toda corte engalanada
Transformando o mar em flor
Vê o Impero enamorado
Chegar à morada do amor

Oguntê, marabô
Caiala, e sobá
Oloxum, Ynaê
Janaina, e Yemanjá
São rainhas do mar