Gira gira
(Zito)

Alô meu povão, olha a Cultura Racional aí gente

Gira, gira, gira o mundo vai girando
O equilíbrio é lei natural
Da redenção vem a união do raciocínio
Apresentando o seu carnaval (foi)

(em pensamento) Em pensamento viajando
Pelo espaço sideral
Ao além eu perguntei
O porquê do bem e o porquê do mal

Foi a vez da natureza
Responder meu perguntar
O homem é um viajante nesta vida
Não sabe de onde veio e nem onde vai chegar

Induzido pelo ego cruciante
Quer ter bastante tudo em seu poder
E explorando a natureza e a humanidade
E na sociedade sempre quer aparecer

Seduzido na procura só de sexo
Envolvido no prazer carnal
Virou telefone e internet
Na loucura do sexo virtual

E a violência impera nesta terra
O mundo vive em guerra ninguém sabe o que faz
Mas a Cultura Racional é verdadeira
É a bandeira em nome da paz

Olho grande não entra na China
Diz o dito popular
Quem dorme muito
Vive pouco, não vê a vida passar

Mas quando acorda o preguiçoso
Come tudo e nada satisfaz
E o faminto se foge da fome
Mas a fome vai atrás (oi)