A Lei Áurea universal
(Afrânio Machado)

Esse samba é um homenagem
Àquele que realmente tem o poder
De nos resgatar deste planeta
De sofrimento chamado Terra
Mestre Manoel Jacintho Coelho

Falo de cem anos de glória
O grande marco da história
A Lei Áurea universal (universal)
Li Universo em Desencanto
Que secou todo o meu pranto
Relato da Cultura Racional

(E hoje eu falo) Ele veio como um cometa
Feito uma luz na escuridão
E reluziu no planeta
Pra nos ensinar a lição

A natureza vibrando
Pela liberdade total/geral
E todo mundo cantando
Salve! Salve o Racional!

Vibra a voz do mar
Vibra a voz da natureza
Os astros estão cantando
Nunca vi tanta beleza

Desencanto do encanto
Revelado timtim por timtim
Hoje encontrei meu canto
O principio meio e fim

É hora do regresso
Já não tem mais retrocesso
A natureza é natural
E ligada ao Mundo Racional

E hoje eu me conheço
E a história timtim por timtim
O desencantar do encanto
O princípio meio e fim (e eu canto assim)