Duzentos e setenta e cinco
(Rosa)

Xii cara... rolou o maior barraco
Tá sabendo não...
Não tava...
O pau comeu na casa de Berê
Entrava e saia... coisa horrorosa
Tá sabendo não...
Pois é...
Atenção...
Psiu...

Vai cuidar da tua vida
Deixe a minha vida em paz
Se não tem o que fazer
Procura vai ler e reler
Pra você não padecer
E depois se arrepender

275, 275, 275
É o que você tem que ler

Lá laia laia
laia laia laia laia
Ver, ouvir e se calar
Lá laia laia
laia laia laia laia

Caveira quem te matou
Foi a língua
Caveira quem te matou
Foi a língua

Leia o 275...
Leia o 275...

porque é preciso para aprender
corrigir e aprender